Esportes

Primeiro-ministro do Japão anuncia adiamento das Olimpíadas 2020

Previstos para acontecer no período de 24 de julho a 9 de agosto desse ano, os Jogos Olímpicos foram adiados para 2021 devido à pandemia do novo coronavírus.
24/03/2020 10h08 - atualizado

Nesta terça-feira, 24 de março, o primeiro-ministro japonês, Abe Shinzo, afirmou que pediu ao Comitê Olímpico Internacional (COI) o adiamento de um ano dos Jogos Olímpicos, que estavam programados para acontecer no período de 24 de julho a 9 de agosto de 2020.

O primeiro-ministro fez o anúncio a jornalistas depois de uma conversa telefônica com o presidente do COI, Thomas Bach. Segundo ele, o COI aceitou o pedido.

Com o adiamento, as Olimpíadas deverão ser realizadas apenas em 2021, no mesmo período do ano que estavam programadas para acontecer em 2020. Mesmo assim, o nome oficial do evento será Tóquio 2020, de acordo com o governador de Tóquio, Yuriko Koike.

A decisão deve trazer alívio a atletas de diversos países. Delegações de nações como Canadá, Austrália, Noruega e Grã-Bretanha já haviam declarado que pretendiam não enviar seus competidores a Tóquio caso as Olimpíadas sejam mantidas para este ano.

Com informações do G1.

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web