Viagora

Coren-SP vai apurar denúncia de Klara Castanho sobre vazamento de informações

O Conselho se diz solidário a toda situação de quebra de sigilo que envolve a atriz e os profissionais.

Nesse domingo (26), o Conselho Regional de Enfermagem de São Paulo (Coren), anunciou em nota publicada nas redes sociais que irá apurar a denúncia da atriz Klara Castanho, onde a jovem relata ter sido ameaçada por uma enfermeira que divulgou informações sigilosas à imprensa após a atriz dar à luz a um bebê fruto de abuso sexual e entrega-lo para a adoção.

Segunda a nota do Coren, o órgão soube do caso no final de semana após a atriz publicar uma carta aberta no Instagram. “O Coren -SP, assim como a sociedade brasileira, tomou ciência neste final de semana da situação exposta por atriz, que menciona, em uma carta aberta, ter sido alvo de ameaça de uma enfermeira que confirmou para colunistas de imprensa a respeito de informações sobre a adoção de um bebê fruto de estupro”.

O comunicado oficial também pontua que irá adotar todos os procedimentos necessários a respeito da enfermeira. “O conselho seguirá os ritos e adotará os procedimentos necessários para a devida investigação, como ocorre em toda denúncia sobre o exercício profissional”, pontuou o Coren.

 Por fim, o Conselho manifestou solidariedade à atriz e pediu cautela. “O Coren-SP, ressalta a cautela necessária para que sejam tomadas as medidas corretas para a apuração dos fatos”.

Por Sthefany Prado

Facebook
Indicado para você
Veja também