Viagora

Segurança conclui plano estratégico para o Corso 2024 em Teresina

O plano foi discutido e concluído durante reunião realizada na avenida Raul Lopes, zona leste de Teresina.

Nessa segunda-feira (22), a Polícia Militar do Piauí e os demais órgãos envolvidos na segurança do Corso 2024, finalizaram o plano de segurança para a edição deste ano. O plano foi discutido e concluído durante reunião realizada na avenida Raul Lopes, zona leste de Teresina.

No encontro, foi definido os pontos do local em que cada órgão de segurança deve se posicionar estrategicamente. Cerca de 1.000 policiais militares, atuando nas mais diversas modalidades, incluindo o policiamento aéreo e fluvial, reforçarão a segurança do evento, previsto para ocorrer das 17h às 23 horas do próximo dia 3 de fevereiro.

Segundo o Chefe do Departamento Geral de Operações da PMPI, coronel Jacks Galvão, o local do evento contará com saídas de emergência e as viaturas e ambulâncias ficarão em pontos estratégicos da avenida Raul Lopes.

“Definimos com as demais forças de segurança como cada uma vai se posicionar, nós teremos 12 elevados onde os policiais estarão observando o transcorrer do Corso. Nós teremos o centro integrado onde as forças terão apoio. Teremos o nosso Posto de Comando daqui da PMPI. Além das bases móveis que estarão aqui no dia do evento. E estamos também definindo onde ficarão as viaturas e ambulâncias de emergência. Teremos vias de fácil acesso e de fácil saída em possíveis momentos de emergência e estamos fazendo essas delimitações de área para que cada órgão e cada força policial possam saber o seu papel dentro desse evento grandioso”, reforça.

Ainda segundo o Chefe do DGO, garrafas de vidro e uso de caixas de som serão proibidas durante o evento. O corso vai contar com serviço de vistoria para que essas regras de segurança sejam cumpridas. O Coronel Galvão frisa algumas dicas que o folião precisa seguir durante o Corso.

“Nós estamos com toda estrutura e planejamento para que o folião possa brincar com toda a segurança. Objetos pessoais, de valor, a gente pede que as pessoas tragam apenas o que for necessário, ter cuidados nos momentos de estacionar. Nós teremos aqui inclusive na área do rio um policiamento bem marcante. Lembrando também que é proibida entrada com garrafas de vidro carro de som não será permitido”, enfatiza.

De acordo com o Presidente da Comissão Organizadora do Carnaval de Teresina, Antoniel Ribeiro, visa a importância dessa integração entre as polícias em prol da segurança do evento.

“Pra gente é muito importante esse plano de segurança. Ano passado teve uma pesquisa que sempre a Semdec faz com os turistas, com os vendedores, com o público em geral e pela primeira vez o corso tirou a nota 9. Sendo que a nota máxima que o corso teve durante as edições anteriores foi a nota 8. E a gente dedica esse resultado principalmente a segurança pública. O ano passado, foi só elogios ao trabalho desempenhado pela polícia. E neste ano nós vamos tirar nota 10”.

Facebook
Indicado para você
Veja também