Viagora

Corregedoria Geral do TJ-PI inicia ano com projetos inovadores

O corregedor-geral da Justiça do Piauí, desembargador Olímpio Galvão, realizou uma reunião nesta segunda-feira (08), para discutir com sua equipe sobre o retorno das atividades judiciais.

Na manhã desta segunda-feira (08), o corregedor-geral da Justiça do Piauí, desembargador Olímpio Galvão, realizou uma reunião com sua equipe para discutir as expectativas de melhorias no retorno das atividades judiciais.

Na oportunidade, o desembargador-corregedor afirmou que o órgão está empenhado em sintonizar suas ações às diretrizes do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), com o objetivo de aprimorar o funcionamento do primeiro grau da justiça piauiense.

“O início do novo ano judiciário no Piauí traz consigo a renovação simbólica das atividades judiciais e também a expectativa de avanços e melhorias na prestação jurisdicional”, disse.

De acordo com o juiz auxiliar da Corregedoria, Thiago Brandão, o sistema judiciário está apostando em plataformas tecnológicas para otimizar a prestação de serviços.

“Nossa meta é promover uma justiça mais ágil e eficaz, e para alcançá-la, é fundamental o engajamento de magistrados, servidores e demais colaboradores. Estamos alinhados com as diretrizes do CNJ e determinados a superar desafios”, disse o juiz.

Além disso, a Corregedoria Geral da Justiça do Piauí anunciou uma série de projetos que devem ser executados neste ano, como a implementação de iniciativas para otimizar a prestação de serviços no primeiro grau.

A servidora Marianna Cabral, coordenadora de Projetos da Corregedoria, destacou ainda que este ano será marcado pela implantação de mais trabalhos e projetos.

“Em 2024, iniciaremos os novos projetos relacionados às diretrizes do CNJ para as Corregedorias, continuaremos as instalações das salas do Serviço Integrado Multidisciplinar (SIM) e estaremos à frente de ações que impulsionem cada vez mais os trabalhos da justiça”, finalizou a servidora.

Facebook
Indicado para você
Veja também