Viagora

Morre sargento da PM baleado na cabeça durante perseguição em Belo Horizonte

A informação foi confirmada nesse domingo (07), pela Polícia Militar de Minas Gerais (PM-MG), o sargento estava com duas balas alojadas na cabeça.

O sargento Roger Dias da Cunha, de 29 anos, morreu dois dias após ser baleado na cabeça durante uma perseguição no bairro Aarão Reis, na zona Norte de Belo Horizonte. A informação foi confirmada nesse domingo (07), pela Polícia Militar de Minas Gerais (PM-MG).

Segundo informações da PM-MG, o policial estava com duas balas alojadas na cabeça e passou por duas cirurgias, ele ainda recebeu nove bolsas de sangue, mas o quadro era irreversível.

Ainda conforme a polícia, o Hospital João XXIII, onde ele estava internado, iniciou o protocolo de confirmação da morte cerebral ainda no sábado (06), por volta das 16h. A conclusão do caso durou pouco mais de 24 horas.

Sobre o caso 

O caso aconteceu na sexta-feira (05), quando o policial, de 29 anos, foi baleado com um tiro na cabeça, durante uma perseguição a dois suspeitos, no bairro Novo Aarão Reis. De acordo com informações da PM, a vítima estava junto a sua equipe perseguindo um carro com dois homens armados pela Avenida Risoleta Neves.

Com informações da revista Oeste 

Mais conteúdo sobre:

Polícia Militar.

Crime

Morte

Facebook
Indicado para você
Veja também