Viagora

Arcoverde rebate deputado do PT e diz que governo não comprou nenhuma vacina

Conforme o deputado, todas as vacinas utilizadas no país são provenientes do Governo Federal.

O presidente do Progressistas no Piauí, deputado estadual Júlio Arcoverde, criticou o Governo Estadual nesta quarta-feira (22) com relação a compra de vacinas contra a covid-19 para imunização das crianças no Piauí.

Com relação a cobrança para que se vacinassem as crianças no estado, o parlamentar afirmou que o Ministério da Saúde e a Casa Civil estavam apenas esperando a determinação do Supremo para cumprir a ação.

  • Foto: Luís Marcos/ ViagoraDeputado Júlio ArcoverdeDeputado Júlio Arcoverde

 “O deputado Paulo Martins do PT cobrou do Governo Federal que vacinassem as crianças e eu disse que o Ministério da Saúde e a Casa Civil iriam cumprir as determinações do Supremo, estava só esperando fazer o calendário conforme o prazo que o Ministro Supremo deu no dia 05 de janeiro", explicou Júlio Arcoverde.

Conforme o deputado todas as vacinas utilizadas no país são provenientes do Governo Federal e que o Governo do Piauí tem feito promessas há seis meses para comprar vacinas, mas não cumpriu.

"Todas as vacinas que são usadas no Brasil foram compradas pelo Governo Federal e o governo estadual, o Governo do Piauí através do governador do estado que é presidente do Consórcio Nordeste há seis meses promete compra de vacinas e nunca trouxe uma vacina. Queria até comprar uma vacina da Sputnik e não tomou nem a Sputnik tomou a Pfizer. Então eu quero que ele me cite uma vacina comprada do Governo Estadual, o governo poderia comprar essa vacina e vacinar essas crianças dentro do pedido que eu disse no plenário”, declara o deputado.

Facebook
Indicado para você
Veja também