Viagora

"A tendência é que eu não assuma o PL no Piauí", declara Pessoinha

O presidente da Eturb ressaltou ainda que está focando em sua gestão na prefeitura e que seu destino partidário ao PL ou União Brasil ainda não está definido.

Na manhã desta quinta-feira (10), o presidente da Empresa Teresinense de Desenvolvimento Urbano (Eturb), João Duarte, o Pessoinha, falou sobre seu destino partidário e declarou que possui a tendência de não assumir o PL no Piauí.

De acordo com Pessoinha, o grupo político de Dr. Pessoa decidiu que não seria a melhor opção assumir o comando do partido devido a responsabilidade de assegurar o apoio ao presidente da República, Jair Bolsonaro.

Foto: Luis Marcos/ ViagoraPessoinha-diretor da Eturb
Pessoinha-diretor da Eturb

“A tendência é que eu não assuma o PL no Piauí, porque o grupo político do prefeito decidiu que não era a melhor opção, que era uma responsabilidade muito grande assumir o apoio na integra porque é o mesmo partido do presidente da República e até agora nos acordos políticos que fizeram entenderam que era melhor eu não assumir a presidência do partido”, destacou o gestor.

O presidente da Eturb ressaltou ainda que está focando em sua gestão na prefeitura e que seu destino partidário ao PL ou União Brasil ainda não está definido.

“Eles vão decidir eu disse que não queria nem me envolver com isso. Eu vou trabalhar porque Teresina reclama, eu vou focar na gestão e caso o prefeito decida que eu saia final de março eu saio porque o cargo é dele, é político”, explicou Pessoinha.

Pessoinha destacou que se for candidato a deputado federal a previsão para se desincompatibilizar do cargo é de seis meses e que se o grupo político de Dr. Pessoa determinar deverá encarar o desafio.

“Se eu for candidato a deputado federal eu terei que me desincompatibilizar seis meses antes, mas atualmente eu tenho que estar filiado em algum partido e se determinar o grupo do prefeito eu vou encarar o desafio, mas eu estou focado mesmo é na gestão”, finalizou.

Mais conteúdo sobre:

Partido Liberal - PL

Eleições 2022

Facebook
Indicado para você
Veja também