Viagora

Vejo a caminhada de Sílvio com boas perspectivas, diz Elmano Férrer

O senador afirma que avalia de forma positiva a caminhada traçada pelo pré-candidato ao Governo do Piauí.

Nessa sexta-feira (27), o senador da República, Elmano Férrer (Progressistas), avaliou a pré-campanha de Sílvio Mendes ao Governo do Piauí pelo União Brasil. O parlamentar declarou que o ex-prefeito de Teresina está sendo bem recebido pelos lugares onde tem passado.

Para Elmano Férrer o pré-candidato é um homem com serviços prestados ao Estado tanto na condição de médico como gestor da capital e da pasta da Fundação Municipal de Saúde (FMS). O senador afirma que avalia com boas perspectivas a caminhada de Sílvio Mendes e se incluiu nessa jornada, visto que seu partido Progressistas apoia a pré-candidatura do ex-prefeito.

Foto: Matheus Santos/ ViagoraElmano Férrer
Elmano Férrer

“Muito boa porque o Sílvio Mendes tem serviços prestados como médico, ortopedista principalmente, como homem público comandou muito bem com muita competência a Fundação Municipal de Saúde, montou toda uma estrutura de saúde que presta relevante serviços a população, então creio que em cima da experiência vivida pelo Sílvio ele está sendo muito bem recebido por onde passa, por onde chega, já tem uma história como homem público além da profissão que abraçou como médico, vejo com boas perspectivas a caminhada dele, que é a nossa caminhada, a minha caminhada também”, pontua.

Apesar de não estar acompanhando as pesquisas eleitorais que evidências os pré-candidatos da oposição Sílvio Mendes e da situação Rafael Fonteles, o senador explicou que é importante averiguar os números e garante uma campanha política de muita disputa e diálogo.

“Eu não tenho acompanhado muito as pesquisas, sei que está no começo, porém é importante, a pesquisa é fundamental, sobretudo, que retrata a situação, o quadro, os dados estatísticos e científicos de um momento. Nós estamos em uma pré-campanha ainda a campanha vamos ter 45 dias de muita disputa, diálogo e teste de candidatos, enfim a população terá que fazer essa avaliação”, enfatiza.

Facebook
Indicado para você
Veja também