Viagora

Número de exames no Lacen-PI cresceu 13%, aponta Sesapi

Segundo o balanço de 2023 da Sesapi, o destaque maior ficou em relação a triagem neonatal, o chamado Teste do Pezinho.

A realização de exames, em relação ao ano de 2022, cresceu em 13%, de acordo com o balanço de 2023 realizado pelo Laboratório Central de Saúde Pública do Piauí (Lancen-PI). 

De acordo com o Governo do Piauí, o destaque maior ficou em relação a triagem neonatal, o chamado Teste do Pezinho, que foram 252.709 exames realizados. O laboratório analisou e processou um total de 487.218 exames em 2023, já no ano de 2022, quando foram realizadas 428.744 análises.

O diretor do Lacen-PI, Fabrício Amaral, destaca a importância do aumento dessa produtividade na emissão de laudos laboratoriais. Fabrício afirma que é um avanço para a saúde pública no estado do Piauí reforçando ainda mais os trabalhos de vigilância da saúde da população. “Tais ações foram fundamentais na tomada de decisões rápidas e assertivas no que tange o controle, a prevenção e o tratamento de diversas doenças. O aumento da produtividade do LACEN-PI não apenas acelera o processo de diagnóstico, mas também contribui para a implementação de medidas de saúde pública de forma ágil, auxiliando na contenção de surtos e na promoção de intervenções oportunas”, explicou o diretor.

Foto: Divulgação/Governo do PiauíLacen realizou mais de 100 mil testes de detecção da Covid-19
Lacen-PI

Ainda segundo o gestor, outro ponto que ajudou o aumento de produtividade do Lacen em 2023 foi a aquisição de novos equipamentos, que otimizaram o processo de análises e exames, além de novos métodos para diagnósticos de doenças como a tuberculose, acelerando a obtenção dos resultados com maior precisão e qualidade.

Entre as melhorias dos serviços ofertados pelo laboratório central em 2023 estão ainda a implantação do exame para a detecção de Mpox em fevereiro de 2024, além de exames para detectar gonorreia e clamídia em amostras de urinas de pacientes.

De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde do Piauí, novos exames de ISTs, doenças sexualmente transmissíveis, também foram possíveis em 2023 devido a aquisição de um novo equipamento no laboratório cedido por meio da rede de biologia molecular do Ministério da Saúde.

Mais conteúdo sobre:

Saúde

Governo do Piauí

Facebook
Indicado para você
Veja também