Viagora

Ginásio é cedido para virar Centro de Testagem Covid no Dirceu I

Segundo a Semel, a ação surge após o aumento dos casos da covid-19 e da nova cepa da gripe, H3N2.

Nesta segunda-feira (10), a Secretaria Municipal de Esporte e Lazer anunciou que o Ginásio Edmilson Jorge, situado no bairro Dirceu I, na Quadra 151 c/ Joaquim Nelson, zona Sudeste de Teresina será cedido à Fundação Municipal de Saúde (FMS) para utilização como Centro de Testagem destinado a Covid-19.

De acordo com a Semel, a ação surge após o aumento dos casos da covid-19 e da nova cepa da gripe, H3N2, e deve auxiliar a população contemplando os teresinenses com mais um Centro de Testagem que ficará em um local mais próximo de sua residência.

  • Foto: Divulgação/PMTGinásio Edmilson JorgeGinásio Edmilson Jorge

O secretário da Semel, Eduardo Draga Alana afirmou que outros locais também serão disponibilizados para as famílias que foram impactadas pelas enchentes na capital.

“A SEMEL sempre trabalhará lado a lado com as demais secretarias, afinal, acreditamos que essa é a melhor forma de fazer uma gestão integrada. Por isso, disponibilizamos o Ginásio Edmilson Jorge o mais rápido possível, e além desse ginásio, disponibilizamos outros locais para que sirvam de apoio para as famílias, que possam vir a ficar em situação de vulnerabilidade devido aos alagamentos. Torcemos para que não haja a necessidade, mas se houver nós, da SEMEL, da prefeitura de Teresina, não deixaremos a população desamparada”, explicou.

Ainda segundo a Semel, a ação também assegura um maior controle e monitoramento dos casos confirmados pela doença, além de auxiliar em uma medicação mais rápida dos infectados, devido a disponibilidade dos centros de testagem, com os resultados saindo de forma mais rápida.

A coordenadora da FMS, Emanuelle Dias, explica que o processo de atendimento será mais rápido. “Quanto mais rápido uma pessoa souber o resultado do seu teste, mais rápido poderá ser o seu tratamento, por isso a abertura desse centro é fundamental para a população teresinense”, finaliza.

Facebook
Indicado para você
Veja também