Viagora

Covid: FMS reorganiza atendimento de casos suspeitos em Teresina

A Prefeitura de Teresina informou que reorganizará mais uma vez a sua rede e passará a concentrar os atendimentos à doença nas urgências dos hospitais municipais.

A Prefeitura de Teresina informou que, por conta da baixa demanda de casos suspeitos de Covid-19, a Fundação Municipal de Saúde (FMS), reorganizará mais uma vez a sua rede e passará a concentrar os atendimentos à doença nas urgências dos hospitais municipais, que estão espalhados por diversas zonas da cidade, onde também são tratadas síndromes gripais.

A prefeitura também informou que com isso, a UBS Gurupi, que oferecia atendimento para síndromes gripais na Atenção Básica, vai voltar a ofertar os serviços regulares da Estratégia Saúde da Família (ESF) para a população da área a partir de segunda-feira (25). Os atendimentos acontecem de segunda a sexta, das 7h às 19h.

Foto: Divulgação/ Prefeitura de TeresinaFachada FMS
Fachada FMS

“Estamos reorganizando o serviço devido à grande diminuição nos números da doença, e consequentemente à queda na demanda por atendimento específico”, diz a diretora de Atenção Básica da FMS, Nádia Spíndola. “A mudança se faz necessária também para dar suporte no atendimento aos usuários com outras patologias, incluindo a dengue. Ressaltamos ainda que todas as UBSs atendem casos leves de dengue com prioridade”, ressalta.

Segundo a prefeitura, o Presidente da FMS, Gilberto Albuquerque, diz que está programada ainda a reorganização do atendimento no Hospital do Monte Castelo, e que no momento, mantém atendimento 24 horas e internação exclusivamente para casos de covid. “Como estamos registrando taxas de ocupação baixas, pretendemos redirecionar os leitos exclusivos covid para outras doenças, e em breve o Hospital voltará a atender outras demandas”, pontua o gestor.

Por: Matheus Santos

Facebook
Indicado para você
Veja também