Viagora

Promotor apura falta de atendimento odontológico em UBS de Bom Jesus

A portaria foi assinada pelo promotor de Justiça Roberto Monteiro Carvalho.

O promotor de Justiça, Roberto Monteiro Carvalho, instaurou procedimento administrativo com o objetivo de fiscalizar supostas irregularidades no consultório odontológico da UBS do Bairro Josué Parente, em Bom Jesus, município administrado pelo prefeito Nestor Elvas. A portaria foi publicada no dia 30 de janeiro deste ano no Diário Oficial do Ministério Público do Estado (MPPI).

De acordo com a portaria, uma Notícia de Fato foi aberta a partir de reclamação, registrada na Ouvidoria do Ministério Público, com pedido de sigilo dos dados pessoas, na qual foi relatado que a UBS do bairro Josué Parente, está sem atendimento há cerca de dois meses.

Além disso, foi denunciado ao órgão ministerial que ao buscar atendimento odontológico na referida UBS, o paciente é informado que “ou não tem dentista atendendo, ou a cadeira está quebrada ou a luz do consultório está queimada".

O representante do Ministério Público do Piauí (MPPI) destacou ainda que a notícia de fato esgotou seu prazo e que a Secretaria Municipal de Saúde não respondeu o ofício do órgão,  por isso foi necessário abrir procedimento administrativo.

“O procedimento administrativo é o instrumento próprio da atividade-fim destinado a acompanhar e fiscalizar, de forma continuada, políticas públicas ou instituição”, aponta na portaria.

Outro lado

O Viagora procurou a secretaria municipal de saúde sobre o assunto, mas até o fechamento da matéria nenhum representante foi localizado. O espaço permanece aberto para esclarecimentos.

Facebook
Indicado para você
Veja também