Viagora

Wellington Dias mantém medidas contra Covid-19 até 15 de janeiro

O governador informou que o Estado não vai apoiar a realização de eventos que geram aglomeração nas festas de Réveillon e Carnaval, conforme as recomendações estabelecidas.

Nesta segunda-feira (27), o governador Wellington Dias esteve em reunião junto ao Comitê de Operações Emergenciais (COE) e decidiu prorrogar, até o dia 15 de janeiro, o decreto de medidas sanitárias contra a covid-19. O governador também destacou que crianças de 5 a 11 anos já devem se vacinar em janeiro de 2022.

Wellington Dias afirmou que o Governo Estadual não vai apoiar a realização de eventos que geram aglomeração nas festas de Réveillon e Carnaval, conforme as recomendações estabelecidas pelo Comitê Científico do Nordeste junto aos outros estados. O gestor ressaltou que a medida visa conter o avanço da nova variante Ômicron.

“Vamos seguir com o regramento e com a decisão de não termos festas de fim de ano públicas e mantendo o regramento de distanciamento nos eventos permitidos, estendendo essas regras até 15 de janeiro. O objetivo é evitar a propagação da variante Ômicron e continuar a reduzir hospitalização e óbitos”, afirma Dias.

À medida que permitiu a realização de eventos com público de até 50% da capacidade em espaços abertos fica mantida, bem como, a quantidade de 500 pessoas em locais semiabertos e até 200 pessoas em locais fechados.

Além disso, o governador ressaltou que é importante respeitar os protocolos e medidas sanitárias, os participantes devem estar vacinados com duas doses ou dose única, ou apresentar teste negativo antígeno ou RT PCR, realizado  até 48 horas antes do evento.

O gestor anunciou que no dia 10 de janeiro está prevista a chegada dos lotes com o imunizante Pfizer para vacinação das crianças de 5 a 11 anos no Piauí.

“Trabalhamos pela garantia que pudéssemos ter, por parte da Anvisa, um posicionamento sobre a vacinação de crianças de 5 a 11 anos e a atualização é que o Ministério da Saúde fez um entendimento com a Pfizer, vacina aprovada para a vacinação das crianças, e há uma previsão de entrega já na semana do dia 10 de janeiro, quando teremos condições de iniciar a vacinação desse público”, ressaltou o governador.

Wellington Dias afirmou também que em 2022 o Governdo Estadual deve permanecer focado no Programa Busca Ativa com o objetivo de avançar a imunização das pessoas com mais de 40 anos que ainda não se vacinaram ou receberam a segunda dose ou a dose de reforço.

“Uma das prioridades é seguir com o Busca Ativa para completar a vacinação das pessoas com mais de 40 anos que ainda não se vacinaram ou não tomaram a segunda dose ou a dose de reforço, pois os estudos mostram que, dos óbitos que temos tido, 80% são de pessoas que não vacinadas e 20% são pessoas que não tomaram a segunda dose ou a dose de reforço, portanto iremos trabalhar esse público. Assim, poderemos chegar em fevereiro com a perspectiva de 80% de vacinação completa no Piauí e reduzir ainda mais hospitalizações e óbitos”, reiterou Wellington Dias.

O Piauí atingiu a marca de 82% de pessoas vacinadas com a primeira dose, além de 73,77% da população total que já está imunizada com as duas doses ou dose única da vacina contra a Covid-19. O estado ocupa no ranking nacional o maior número de imunizados.

“Estamos bem perto da meta de mais de 80% da população vacinada, o Piauí está em segundo lugar nesse quesito e continuaremos trabalhando para alcançar essa meta no início de 2022”, finaliza o governador.

Mais conteúdo sobre:

Governo do Piauí

Wellington Dias

Facebook
Indicado para você
Veja também