Coronavírus no Piauí

Calendário acadêmico da UESPI começa em setembro com aulas remotas

Com o novo calendário aprovado, o PEC 2020.3 deve ter duração de um mês, sendo encerrado no dia 17 de outubro.
26/08/2020 17h17 - atualizado

Nessa terça-feira (25), foi aprovado o novo calendário acadêmico da Universidade Estadual do Piauí (UESPI) durante reunião do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEPEX), que deve ter início a partir do dia 14 de setembro com o Período Especial Curricular (PEC) 2020.3 de forma remota.

Com o novo calendário aprovado, o PEC 2020.3 deve ter duração de um mês, sendo encerrado no dia 17 de outubro. Segundo a UESPI, no dia 21 de outubro deve ter início o período regular 2020.1, e até dezembro devem ser concluídos dois semestres. O período 2020.2 deve ficar para o ano de 2021.

Segundo a pró-reitora, o número de dias letivos vai ser menor, mas faz uma ressalva. “A Lei determina que não haja prejuízo da carga horária e de conteúdos previstos por cada curso e, com toda certeza, a Uespi irá respeitar isso. É um momento difícil, delicado, mas queremos manter nossa excelência no ensino e que não haverá prejuízo nenhum do conteúdo para o aluno”, afirmou.

De acordo com a UESPI, o novo calendário segue as orientações do Ministério da Educação (MEC) que determinou a suspenção das aulas presenciais durante o período em que durar a pandemia da Covid-19.

A universidade informou que durante a reunião foi decidido ainda que os alunos de baixa renda, que não possuem condições de terem acesso às aulas remotas, irão receber um auxílio para inclusão digital.

Para conferir o novo calendário acadêmico da UESPI clique aqui.

Mais na Web