Política

Dudu diz que PT quer eleger de 4 a 5 vereadores em Teresina

O vereador comentou sobre as metas do PT para a eleição em Teresina, assim como sobre o trabalho do partido depois de homologar o nome de Fábio Novo como candidato a prefeito.
12/09/2020 18h05 - atualizado

Na manhã dessa sexta-feira, 11 de setembro, foi realizada a convenção partidária do PT em Teresina. Na ocasião, foram oficializados os nomes que vão concorrer aos cargos de prefeito, vice-prefeito e vereador da capital.

Em entrevista ao Viagora, o vereador Dudu afirmou que a intenção do partido é eleger de quatro a cinco parlamentares para a Câmara Municipal.

“A nossa meta é eleger pelo menos quatro a cinco vereadores. Temos chances reais para isso. Nos últimos 25 anos de eleições em Teresina, nós, em 2020, chegamos com o partido pacificado desde o ano passado. Infelizmente, nós tivemos o advento da pandemia, que tirou a campanha de rua, onde o PT é muito mais forte, em compensação, sobram às obras dos governos Lula, Dilma e Wellington Dias. Se tirarmos essas obras, Teresina volta à idade das trevas, que é onde o PSDB não consegue avançar há 40 anos”, declarou.

  • Foto: Luís Marcos/ViagoraGovernador Wellington Dias e Vereador DuduGovernador Wellington Dias e vereador Dudu durante a convenção do PT.

O parlamentar comentou ainda sobre o trabalho do partido após homologar o nome de Fábio Novo como candidato ao Palácio da Cidade.

“Nós já estamos passando dos 10% [nas pesquisas]. Menos de 20% da população sabe que o Fábio Novo é o nosso candidato a prefeito. O desafio de agora em diante é a gente levar o nome dele para o teresinense conhecer. Os candidatos que estão na linha de frente, a população já sabe, o do Fábio Novo ainda não e nós já passamos de 10%. Agora é dialogar com o povo, elaborar nosso plano de governo e, se Deus quiser, a partir de janeiro de 2021, Teresina tem um novo olhar, um olhar de quem cuida da cidade”, disse.

Devido à pandemia do novo coronavírus, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) estabeleceu novas regras para a campanha eleitoral deste ano. Tendo citado que campanha de rua era o ponto forte do PT, Dudu mencionou que o partido tem trabalhado em novas estratégias.

“Nós estamos andando muito, rodando muito. Eu, por exemplo, não tem um dia que eu não converse com 15 líderes espalhados por toda Teresina. Aí é onde eu sinto que o Fábio é uma mercadoria facílima de vender, as pessoas conhecem ele como gestor da Secretaria de Cultura, mas não sabiam ainda que ele era candidato a prefeito, então nós temos muito o que andar, com todos os candidatos. Agora, com o Rede Sustentabilidade, com o PCdoB, com o Solidariedade, a nossa capilaridade mais do que triplicou, estamos com um time gigantesco andando em Teresina. E nós temos um grande apoiador, que é o homem que mais fez obra nessa cidade, foi vereador, deputado estadual, federal, senador e governador, Wellington Dias, que estará na nossa campanha e, se Deus quiser, no 2º turno toda a oposição vai se unificar para que a gente possa governar a nossa cidade a partir de 2021”, completou.

Mais na Web