Política

Iracema Portella descarta vice-governadoria na chapa de Wellington

Deputada negou boato e disse que chapa ficaria muito pesada. Ela defende que a vaga permaneça com o Progressista.
08/03/2018 10h41 - atualizado

A deputada federal Iracema Portella relatou durante uma entrevista à televisão local, exibida na tarde dessa quarta-feira (07), que não existe chances de ter o nome cotado para concorrer como vice-governadora de Wellington Dias nas eleições deste ano. Iracema que faz parte do partido Progressistas, o qual compõe a base aliada do Governo, negou os boatos e disse que vê essa vaga de vice como uma noiva cortejada. Atualmente, a também progressista Margarete Coelho ocupa o cargo.

  • Foto: Facebook / Iracema PortellaDeputada federal Iracema PortellaDeputada federal Iracema Portella

“Não é verdade, não existe a menor possibilidade, pois a chapa ficaria muito pesada. Eu como vice, e o senador Ciro como candidato à reeleição no Senado. Eu vejo essa vaga de vice como uma noiva cortejada, que todos querem, e estamos trabalhando para manter essa vaga que é nossa”, explicou a deputada.

A deputada aproveitou para falar sobre o papel da mulher na política, e disse que a participação da mulher é fundamental, mas o gênero ainda vem sendo sub-representado na política, apesar de ser a maioria da população e do eleitorado.

“Para ter uma ideia, no Senado somos 16%, na Câmara somos 10%, nas câmaras municipais 13%, e nas assembleias legislativas 11%. Precisamos mudar urgentemente esse quadro, porque eu vejo que as mulheres tem um dom todo especial para lidar com a política, pois elas pensam primeiro nos outros para depois pensarem em si”, disse a deputada.

Mais na Web