Coronavírus no Piauí

Motociclistas são 91% das vítimas de acidentes em Teresina

De acordo com a prefeitura, os dados fazem parte de um balanço realizado pelo HUT desde a implantação do decreto municipal de isolamento social durante a pandemia de Covid-19.
19/06/2020 18h00 - atualizado

A Prefeitura de Teresina informou que em três meses o Hospital de Urgência de Teresina (HUT) registrou 601 ocorrências com vítimas de acidentes de trânsito nos finais de semana, sendo 91% delas envolvendo motociclistas.

De acordo com a prefeitura, os dados fazem parte de um balanço realizado pelo HUT desde a implantação do decreto municipal de isolamento social durante a pandemia de Covid-19.

Um relatório da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans) revela que o fluxo de veículos em Teresina na primeira quinzena de junho teve um aumento de 44% se comparado ao início da quarentena, quando foi observado um fluxo de 42% na primeira quinzena de abril.

  • Foto: GP1Hospital de Urgência de Teresina (HUT).Hospital de Urgência de Teresina (HUT)

Segundo a prefeitura, o levantamento feito pelo Setor de Estatística do HUT avalia o período entre o primeiro final de semana após o isolamento social, entre os dias 21 e 22 de março, até o final de semana mais recente deste mês, entre 13 e 14 de junho.

Com base nos dados, neste intervalo, os dias 4 e 5 de abril foram os que apresentaram a menor quantidade de vítimas de acidentes de trânsito, com 30 registros. Deste total, 27 foram ocorrências com motos. Já o final de semana do Dia das Mães foi o que mais registrou acidentes de trânsito. Nos dias 9 e 10 de maio deste ano, o número de acidentados atendidos no hospital subiu para 58, sendo 56 deles com motos.

“Dependendo da gravidade do acidente, esse paciente costuma chegar politraumatizado e precisa de internação em UTI. No momento em que vivemos é importante que esses leitos também estejam disponíveis para outros traumas”, alerta o diretor geral do HUT, Rodrigo Martins.

O balanço aponta que no último sábado e domingo deste mês foram recebidas 44 pessoas acidentadas no HUT. “Deste total, as ocorrências com motocicletas chegaram a 41. É preciso que nossa população tenha consciência e perceba que permanecer em casa é a saída para a diminuição desses casos”, explica Rodrigo Martins.

Mais na Web