Viagora

Cerca de 94% dos eleitores do Piauí tem biometria, aponta TRE

Com a comparação do número total de eleitores no Estado, o TRE-PI alcançou 94% do cadastramento biométrico no último ano.

Levantamento aponta que o Tribunal Regional Eleitoral do Piauí (TRE-PI), ocupa o primeiro lugar na eficiência e conclusão do cadastramento biométrico para as eleições de 2024. Nos últimos 12 meses, 2.441.177 eleitores atualizaram a biometria junto aos cartórios eleitorais.

Com a comparação do número total de eleitores no Estado, o TRE-PI alcançou 94% do cadastramento biométrico no último ano. Ao lado do Piauí, outros três estados também alcançaram esse percentual, Sergipe, Rondônia e Paraíba.

Além disso, a expectativa é que esse percentual alcance a totalidade, até a data do fechamento do Cadastro Eleitoral, no dia 08 de maio de 2024.

O chefe da Seção de Orientação das Zonas Eleitorais da Corregedoria Eleitoral do Piauí, Hugo Leonardo Ferreira Leite, destacou que, desde o início do cadastramento, o Tribunal tem adotado medidas para priorizar o atendimento de biometrização dos eleitores, para que todos possam participar da festa da democracia.

De acordo com Hugo Leonardo cerca de 94% dos eleitores já possuem biometria cadastrada.

“O Piauí está figurando hoje em primeiro lugar entre os estados do Brasil em relação ao percentual de eleitorado biometrizado. Cerca de 94% dos nossos eleitores já possuem biometria cadastrada. Esse resultado se deve primeiramente a estratégia que o TRE-PI adotou, de fazer toda a sua biometria mediante revisões de eleitorado, que foi concluído em 2018. Com a pandemia, passamos 2020, 2021 e boa parte de 2022 sem fazer a coleta biométrica, por conta da Covid-19. No entanto, junto ao Distrito Federal, o Piauí foi o primeiro Estado que, já em novembro de 2022, retomou a coleta biométrica”, apontou Hugo Leonardo.

Facebook
Indicado para você
Veja também