Coronavírus no Piauí

HGV abrirá 10 novos leitos de UTI para atender pacientes com Covid

Segundo o diretor-geral do HGV, a unidade está aguardando os equipamentos adquiridos pelo Ministério da Saúde, por meio de uma solicitação do governador Wellington Dias.
11/03/2021 18h13 - atualizado

Nesta quinta-feira (11), o presidente da Fundação Estatal de Serviços Hospitalares (Fepiserh), e o diretor-geral do Hospital Getúlio Vargas (HGV), Osvaldo Mendes, estiveram reunidos para definir a ampliação de 10 novos leitos de Unidades de Terapia Intensivas (UTIs) no HGV.

A medida foi tomada devido ao aumento dos casos de internação provocados pela Covid-19 no estado, o que tem causado escassez de vagas em hospitais públicos e provados. Com os 10 novos leitos que serão ampliados no Hospital Getúlio Vargas, a unidade passará a ter 80 leitos de UTIs, sendo que deste, 60 são destinados exclusivamente para pacientes Covid.

  • Foto: Divulgação/Governo do PiauíHGV abrirá 10 novos leitos de UTI para atender pacientes com CovidHGV abrirá 10 novos leitos de UTI para atender pacientes com Covid

“Estamos encerrando aqui no HGV uma reunião emergencial, onde a fundação e direção do HGV vieram definir e traçar novas estratégias e ver a possibilidade de abrir mais 10 leitos de UTI Covid. Podemos observar que, no último fim de semana, ofertamos 50 leitos e, em praticamente três dias, tivemos toda a ocupação dos leitos, chegando ao limite máximo. Assim, o Governo do Estado, Fepiserh e o HGV vão ofertar mais 10 leitos. Estamos fazendo nosso trabalho, agora a população também precisa fazer a sua parte”, destaca o presidente da Fepiserh.

Segundo o diretor-geral do HGV, a unidade está aguardando os equipamentos adquiridos pelo Ministério da Saúde, por meio de uma solicitação do governador Wellington Dias, para abrir os leitos.

“Hoje nos reunimos com o presidente da Fepiserh e com toda a equipe do hospital para definir a abertura de mais 10 leitos de UTI Covid. Estamos somente aguardando os ventiladores e monitores que irão chegar de Brasília para podermos iniciar essa nova UTI, tão necessária para que possamos assistir nossa população”, destaca Osvaldo Mendes.

Mais na Web