Coronavírus no Piauí

Piauí deve vacinar policiais contra a Covid-19 na próxima semana

O secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto, explicou que no primeiro momento, apenas os policiais e bombeiros que trabalham na linha de frente contra o coronavírus, serão vacinados.
01/04/2021 09h41 - atualizado

A Comissão Intergestora Bipartite (CIB) da Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi), esteve reunida com gestores das forças de segurança do Piauí, nessa quarta-feira (31), para explicar o decreto do Governo do Piauí sobre a vacinação desse público.

Segundo a Sesapi, serão vacinados os profissionais das Forças de Segurança e Salvamento e das Forças Armadas que atuam nas ações de combate à Covid-19, entrando na prioridade da fila de vacinação.

  • Foto: AscomA Comissão Intergestora Bipartite (CIB) da Sesapi discute vacinação de profissionais de segurança pública.A Comissão Intergestora Bipartite (CIB) da Sesapi discute vacinação de profissionais de segurança pública.

Na reunião que ocorreu de forma virtual, participaram os representantes da Polícia Militar, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Federal, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros e Exército.

O superintendente de Atenção à Saúde e Municípios, Herlon Guimarães, explicou aos gestores de segurança os critérios para a vacinação prioritária da categoria e ressaltou que até a próxima semana começará a vacinação.

“Cada gestor vai enviar a lista dos servidores para as secretarias municipais de saúde das suas cidades para que eles possam ser imunizados. As vacinas chegam ao Piauí neste fim de semana e, até próxima semana começa a vacinação”, esclareceu Herlon.

O secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto, explicou que no primeiro momento, apenas os policiais e bombeiros que trabalham na linha de frente contra o coronavírus, serão vacinados.

“No primeiro momento serão vacinados os policiais e bombeiros que trabalham diretamente no combate à Covid-19, especialmente nos hospitais e nas barreiras sanitárias”, afirmou o secretário.

Mais na Web