Coronavírus no Piauí

Decreto suspende cirurgias eletivas no Piauí por 15 dias

Com base no decreto, a medida foi tomada levando em consideração a necessidade de adotar medidas mais rígidas para evitar a propagação da doença.
12/03/2021 07h52 - atualizado

Foi publicado nessa quinta-feira (11), no Diário Oficial, o decreto do Governo do Piauí que suspende a realização das cirurgias eletivas pelo período de 15 dias no estado para contribuir no combate a pandemia no estado.

Com base no decreto, a medida foi tomada levando em consideração a necessidade de adotar medidas mais rígidas para evitar a propagação da doença, e devido ao aumento dos casos e de mortes da Covid-19 no Piauí, além do aumento da ocupação dos leitos clínicos e de Unidades de Terapias Intensivas (UTIs).

  • Foto: Divulgação/Governo do PiauíWellington Dias participa de reunião sobre imunização contra a Covid-19Governador Wellington Dias

Segundo a determinação do governador, as cirurgias eletivas estão suspensas por 15 dias, com excessão daquelas em caso de patologia materno-infantil, oncologia, cardiologia e neurológica. Além de suspender as cirurgias, o decreto do governador estabelecer que o Hospital da Polícia Militar (HPM) terá atendimento exclusivo para casos Covid-19.

Segundo Wellington, ele está articulando com os demais governadores para que sejam adotadas medidas mais rígidas de forma conjunta em todo o país, assim como houve no Carnaval.

Mais na Web